zzzzzzzz

 

CLXV
Textos sobre Alquimia
O Touro Ápis

O Touro (ou Boi) Ápis para os egípcios simbolizava a força criadora da natureza, comumente e principalmente era representado de forma simbólica como um touro negro com um triângulo branco na testa.
Nos ensina o V.M. Samael que o Touro Sagrado Ápis simboliza a Pedra Filosofal (o sexo), e isto explica o motivo deste estar associado a energia criadora da natureza.

Os Gregos igualmente representavam a Pedra Filosofal com este mesmo simbolismo do Touro. No entanto nem sempre o Touro é negro, algumas vezes é Vermelho, porque a Pedra Filosofal passa por diversas colorações no decorrer de seu processo Alquímico.

O V.M. Samael em seu livro de Astrologia Hermética, diz:
"O Famoso boi Apis, tão adorado nos Mistérios Egípcios, era o criador e fiscal das Almas. O Boi Apis símbólico foi consagrado a Ísis, porque de fato se relaciona com a Vaca Sagrada, a Mãe Divina, Isis, a quem nenhum mortal jamais levantou o véu. Para que o Boi tivesse a alta honra de ser ascendido a tal categoria, era preciso que fosse negro e tivesse na fronte ou em uma de suas costelas uma mancha branca em forma de crescente Lunar (um Triângulo Invertido, como era representado no Egito e na Grécia)."

O V.M. Samael em seu livro de Tarot e Kabala ainda complementa a explicação do simbolismo do Touro Ápis afirmando que a serpente sobre sua testa indica a Maestria, o circulo sendo referente a Serpente que morde a cauda (representação da Mãe Cósmica).

É Realmente notável observar como estes mistérios resplandecem em certos tempos e em outros se ocultam sob um véu de mistério.

Diz o V.M. Samael o seguinte a respeito das Escolas Esotéricas: "Netuno tem um ciclo de estudos de 165 anos... O ciclo de Netuno é o ciclo de atividade pública de certas escolas de regeneração. Somente pela Senda do Matrimônio Perfeito chegamos à Supra-Sexualidade." (O Matrimônio Perfeito)

11/08/12