zzzzzzzz

 

CLXV
Textos sobre Filosofia
O Peso da Verdade

Hoje em dia vemos que a verdade é muito subestimada, e por vezes posta em segundo plano, quando alguém necessita chegar a um fim específico. Ou seja, mente-se pelos motivos mais variados, e justifica-se isto por motivos ainda mais variados.

É muito raro quem esteja disposto a aceitar a realidade tal como é, e encarar as consequências de suas ações, de suas palavras, sem subterfúgios, sem escapes.
Comum nos dias atuais é falsear a verdade, aumentar, diminuir, mudar, sempre de acordo com os interesses que tem o indivíduo em base ao que precisa ser dito, o que precisa ser relatado, indiferente de ser a realidade, para que tenha os melhores benefícios o maior ganho, o menor sofrimento, etc.

A Palavra deforma-se quando ao relatar uma situação, ou mesmo a negar que algo ocorreu, falseamos a verdade.
Isto realmente tem um impacto direto no verbo do indivíduo, seja escrito ou falado.
Quem somente a verdade diz, inevitavelmente tem um peso muito grande quando assinala algo. Isto porque a sua palavra torna-se um reflexo da verdade e a verdade por consequência um reflexo de sua palavra.
Torna-se paradoxal isto, porque o verbo que somente pronuncia a verdade, quando profere um veredicto, quando relata um fato, molda a realidade de acordo com sua palavra.

O Verbo quando impregnado da verdade, quando manifesto somente como expressão da verdade, torna-se por si só um oráculo inexorável para todo o existente. Isto porque a boca que diz somente a verdade, ao ser questionada de algo, integra-se com as correntes universais e revela o oculto.

Obviamente estamos falando antes de mais nada de coisas cotidianas, de detalhes do dia a dia, de coisas muito comuns, que vão se aprofundando e se integrando com estes princípios até que um torna-se um reflexo do outro e torna-se um uma extensão e um complemento do outro.

Devemos aprender a manejar a palavra, para que então se manifeste em nós o Verbo Universal da Vida. Principio criador e destruidor de todo existente.

29/01/17