zzzzzzzz

 

CLXV
Textos sobre Filosofia
A Real Necessidade

Tantas faces vemos ao longo de nossos dias, tantos desejos, tantos planos, cada indivíduo é um mundo inexplorado cheio de particularidades e perigos, também belezas.

Muito do que entendemos ser necessário, não é a realidade do que realmente necessitamos e do que realmente cada um necessita.

Temos de aprender a diferenciar o que é o Aparente e o que é o Oculto, o que é Real e o que é Transitório.


Vamos tomar por exemplo uma pessoa desafortunada que vive na miséria, que não tem um lar, que busca comida nas ruas.
Qualquer um consegue entender que a pessoa necessita comida, necessita urgente alimento todos os dias. Podemos dar alimento a ela, mas de nada resolve o problema, senão que todo o dia necessita receber o alimento ou encontrar um alimento, sem o qual vai pouco a pouco definhando e por fim morrendo.

O Indivíduo em questão não tem alimento, não tem moradia, porque não tem trabalho. Mais adequado então podemos dizer seria dar a ele, ou ajudá-lo a encontrar uma profissão digna com a qual consiga por meio de seu próprio esforço ter seu alimento, ter sua moradia, ter roupas e o que mais necessite.

O Problema é que geralmente e neste nosso caso em questão, esta pessoa realmente não tem alimento porque não tem trabalho, mas não tem trabalho porque não tem virtude. Ou seja, de nada adiantaria dar a ele um trabalho aonde não vá trabalhar realmente, um trabalho o qual ele abandonaria ou agiria de maneira indiferente e com desprezo. Poderia todos os dias receber um novo emprego e nunca encontraria estabilidade em sua vida, porque lhe falta uma série de fatores internos de estabilidade, de virtudes em geral necessários a este tipo de operação.


No fundo o que este indivíduo necessita é virtude, ajuda para obter virtudes e com isto adquirir por ele mesmo tudo que necessita.

É claro que esta pessoa se não tiver alimento não sobrevive outro dia para buscar trabalho.
É certo que se não lhe dão oportunidade de trabalho não tem como ganhar comida por ele mesmo.
É verdadeiro que se não lhe instruem, se não lhe auxiliam a ter virtude, nada terá, nunca.


Isto claro é um exemplo de muitas coisas que poderíamos comentar, e que no fundo tem uma transcendental importância em nossa vida, também na vida dos demais.
Há muitas ajudas que atrapalham, e muitos atrapalhos que ajudam e infelizmente a mente não é capaz de calcular efetivamente o custo e o benefício de cada coisa.
Por isto é tão difícil transmitir o que é realmente Bom e o que é Mau, sendo que tudo depende do contexto, depende do quando e do como e do porque se manifesta.

Temos de entender que nossa realidade é o resultado de algo e que se nos agrada ou se nos desagrada é porque há uma guiatura, há um porque de ser como é.

21/03/2018