CLXV
Textos sobre Filosofia
A Força Potencial

Sempre que olhamos para o mundo, para as pessoas, para as coisas, geralmente vemos o que são, vemos aquilo que se tornaram, vemos aquilo que manifestam... Mas mais além daquilo que algo é em determinado momento há uma força que lhe permite ser o que ainda não é, mas pode vir a ser; A Esta força, chamamos Força Potencial.

Quando um indivíduo toma uma semente e lança na terra com a esperança de ter frutos, ele observa não o que é a semente, mas o que ela pode vir a ser, o que ela pode vir a fornecer. Infelizmente as pessoas tem dificuldade de transferir certos aprendizados para outras áreas e com isto não são capazes de aplicar isto da Força Potencial para outros assuntos, outras categorias.

Os Eventos da vida, por mais estranhos, incomuns, difíceis que sejam, eles tem a Força Potencial, para ser algo que não é, e se sabemos alimentar tal potencial, fazer fecunda tal força, aproveitamos satisfatoriamente eventos insatisfatórios. Afinal a vida é cheia de eventos os quais podemos não concordar, que não nos agradam de maneira alguma, ainda assim há algo que pode vir a ser tais eventos e algo que pode ser extraído de tais eventos, situações, relações, etc.


Há coisas boas que tem um grande potencial para se tornarem más, e há coisas más, que tem grande potencial para se tornarem boas. Na verdade como bem sabemos dentro das Trevas há uma semente de Luz e dentro da Luz há uma semente de Trevas. Assim que todas as coisas tem algum potencial para se tornarem algo completamente distinto, mesmo inverso do que hoje são, é uma questão de estimular e de fazer manifesto tal potencial, tal força oculta.


Imaginem olhar pela primeira vez uma Roseira, apenas aqueles galhos verdes retorcidos e amontoados, cheios de espinhos e e de sujeira, encravados na negra terra, extraindo dali, da podridão e do obscuro solo, seu principal alimento e sustentação. Quem diria que tal terrível criatura daria tão belos e perfumados resultados como são as flores que emanam profunda harmonia, beleza e odor agradável ao sentido humano. E o que se necessitou foi um conjunto adequado de elementos para que tal mudança ocorresse.


Muitas vezes vemos pessoas perdidas, realmente equivocadas, criaturas as quais a maldade e o crime se faz presente em suas vidas, e infelizmente por vezes há um terrível potencial divino por detrás de tais criaturas, potencial este o qual não se fez manifesto porque não surgiram os meios para que se manifestassem adequadamente. É Muito difícil julgar as criaturas pelas aparências que vemos, e as situações pelo pouco que conhecemos delas.

Por isto que a fofoca é um crime tão grave, as pessoas transmitem complexas vivências e situações as quais no fundo desconhecem totalmente como um mero vômito de palavras as quais nada tem de realidade com os fatos ocorridos. Não há como fazermos julgamento acerca de cosias tão complexas, ainda mais quando não conseguimos ver a totalidade das forças envolvidas e dos processos os quais em algum momento conduzem aos resultados os quais veremos serem esplendorosos.


A Natureza por si só cria muitas coisas, ela também destrói suas criações para dar vida a novas, pois a vida se alimenta de vida. De nós depende uma profunda transformação e uma integração com uma Natureza de tipo Superior, mais além do Sobe e Desce, do Vai e Vem que é o mundo. Temos de encontrar no mais profundo de nós mesmos esta força potencial, este princípio único de todo existente que habita em nós e encarná-lo, fazê-lo pleno e manifesto em nossas vidas, por meio de nossas ações, de nossas palavras, de nossos pensamentos e sentimentos, fazer com que nossa carne e nosso espírito sejam íntegros e plenos.

26/01/2019