CLXV
Textos sobre Filosofia
O Cálculo da Vida

Estamos vivos, caminhamos atualmente sobre a face da terra e a verdade é que desconhecemos o sentido desta vida e as leis que a regem.

As pessoas todas sofrem, reclamam, protestam daquilo que a vida lhes oferece, gritam "Injustiça!", acreditam-se inocentes diante das coisas desagradáveis que lhes ocorre e a verdade é que simplesmente não são capazes de compreender o cálculo que executa a vida, para lhe devolver os frutos em relação àquilo que semeia.

A Vida não existiria como a conhecemos, se não houvesse uma matemática exata que regesse tudo quanto conhecemos. Se regesse o Caos, e não esta matemática divina, a vida não poderia existir, de maneira alguma.

Muitos acreditam que a vida é injusta, mas a verdade é que estas pessoas não são capazes de observar objetivamente a vida, e a maneira como as coisas se processam.
Estão estas mesmas pessoas, presas dentro de seus próprios conceitos, seus próprios critérios, e não entendem que as leis as quais são regidos são outras, distintas das fictícias que este mesmo imagina.

Valem os fatos, diante dos fatos não temos o que dizer e não temos como protestar. Nos falta simplesmente esta habilidade de sermos sinceros com nós mesmos e aceitar o fato de que se nossa vida vai mal, é porque estamos agindo mal para com a vida.

A Vida não se resume ao mero ir e vir que estamos acostumados, ao crescer, reproduzir e morrer. A este constante trabalhar e consumir e trabalhar novamente... A este perder a saúde para ganhar dinheiro e depois gastar dinheiro para recuperar a saúde.
A vida como as pessoas estão acostumadas é ilógica, mesmo do ponto de vista material, não há sentido na vida que vivem. Se aprendêssemos a observar a nós mesmos, a conhecer o mundo que nos rodeia, compreender realmente esta matemática da vida, muito diferente seria a vida.


Para muitos basta saber que estamos vivos, e estes vivem suas vidas, indiferentes a verdadeira realidade que os cerca.

Mais além da vida mecânica está a possibilidade de uma vida consciente. Assim como a semente se encontra nas trevas, se esta rompe com o que é, em benefício do que pode vir a ser, este indivíduo pode vir a luz e viver uma vida plena e cheia de realizações e de ganhos espirituais.

07/10/14