zzzzzzzz

 

CLXV
Textos sobre Metafísica
O Receptáculo da Luz

Existem certamente diferentes tipos de Luzes, assim como existem por consequência diferentes fontes as quais provém a Luz.

A Luz é um princípio indispensável à Vida, mas é algo que existe muito além do mundo que conhecemos.
A Luz não tem sua origem na vida tridimensional, ela apenas se manifesta por meio de um Sacrifício o qual no sentido material podemos citar a combustão.

É Claro que a ciência atual tem sua forma de explicar e de ver estas coisas, mas temos de entender que há muito mais sobre estes assuntos do que atualmente nossa humanidade conhece e entende.

Falando da Luz produzida pelo Fogo (referindo-se a ter uma vela acessa), há Sábios que já disseram que equivale isto a uma constante oração.
Temos de entender que o Fogo é um Portal para a Luz entrar nesta região na qual vivemos. E esta é a grande diferença entre o que é a Luz Natural e o que é a Luz Artificial.
As duas Luzes (Artificial e Natural), servem de meio de Expressão para a Luz, mas uma ocorre por meios naturais, e a outra ocorre por meios artificiais. Vemos que a Luz Natural tem diversos atributos, mesmo espirituais que não são replicáveis pela Luz Artificial.

O Que é a Chama, senão um Portal pelo qual se faz manifesta a Luz.
A Luz existe plenamente em todas as partes nas regiões superiores da natureza. A Luz é um princípio indivisível à Vida, a qual no mundo onde vivemos se faz manifesta por meio do Fogo.
O Fogo sempre serve de meio para a manifestação da Luz, e por este motivo que não se chega a Luz senão pelo Fogo.

Falando da Tríade Divina, Pai, Filho e Espírito Santo, sabemos que o Pai equivale ao Som, o Filho a Luz, e o Espírito Santo ao Fogo.

Assim entende-se melhor isto do caminho do Fogo à Luz, e da Luz ao Som. Claro que estes princípios existem mais além do mundo em que vivemos, e isto que vimos é uma fração do que sejam realmente estes Princípios. Não estamos dizendo que o Som é necessariamente o Pai, e que o Filho seja a Luz, ou que o Espírito Santo seja o Som, mas sim que é por meio destes elementos que se fazem manifestos de certa forma, e pelos quais é representada sua natureza Divina.

Os que conhecem profundamente o Esoterismo certamente encontrarão Sabedoria ao escutar que somente chegamos a Luz pelo Fogo, pois este é um Mistério Básico da Natureza tanto exterior como Interior.

Aquela frase enigmática de "Queima os teus livros e branqueia o Latão", em si só fala exatamente do Sacrifício pelo Fogo, e por meio do Fogo purificar e iluminar por fim o Latão.
Nós certamente construímos coisas sob o sacrifício de outras coisas. Todos os dias de diferentes maneiras destruímos algo para construir outra coisa. A Vida sempre se alimenta de vida...

Isto quer dizer que no fundo é sempre o Fogo o que propícia estas transformações ainda que imperceptíveis. A Semente que transforma-se em Planta é um resultado do trabalho do Fogo, ao fim ela busca a Luz.
Ou seja, não estamos falando apenas do Fogo Exterior, mas do Fogo Interior das coisas.
Também do Fogo Superior, não apenas do Fogo Inferior...

Ninguém pode chegar à Verdadeira Luz, se não atravessa o Fogo, e somente pode atravessar o Fogo aquele que se converte em chama, ou seria consumido no processo por conta de seus elementos combustíveis não purificados. É claro que neste momento nos referimos à Luz-Cristo, e o processo Pascoal o qual recentemente passou a natureza.

03/04/2018