zzzzzzzz

 

CLXV
Textos sobre Psicologia
Espontaneidade e Naturalidade

Observando o mundo e as pessoas, vemos como o sistema tende a transformar as pessoas em máquinas, em criar seres padronizados, criaturas mecânicas e cheias de poses e de gestos incoerentes.
A Verdade é que poucas pessoas conseguem ser exatamente o que são, em outras palavras não agem naturalmente, "de forma natural", de forma espontânea.

Existe o que é natural e o que é artificial. O Natural é aquilo que vem, que ocorre naturalmente, sem intervenções, sem fantasias, sem máscaras, sem adições. O Artificial é toda adição que é feita, seja por uma norma, por um conceito, por medo, por orgulho ou qualquer defeito que agregue ações equivocadas sobre uma primeira que é natural.


O Problema desta falta de simplicidade, no pensar, no sentir, no atuar... é que toda ação humana tende a ser artificial, superficial. Nós não queremos ensinar mudanças artificiais, isto não tem propósito nem utilidade. Uma mudança que não é permanente, em outras palavras, que não é profunda, de nada serve, é uma mudança que facilmente pode ser desfeita seja em vida, seja com o desencarne.
Um dos simbolismos do Arcano 14, é exatamente a troca de veículos, aonde os valores são vertidos de um recipiente a outro, este recipiente é o corpo físico.
Nós mudamos de corpo, nascemos novamente mas levamos aquilo que interiormente somos, nossas virtudes, nossos defeitos. De nada adiantaria treinar a personalidade ou superficialmente sermos "boa gente" se internamente somos realmente podres e de maus costumes.

Melhor é sermos como somos e aprender, compreender nossas debilidades e uma a uma fazer modificações então sim verdadeiras, profundas e permanentes.

As pessoas tendem a ser artificiais, valorizam mais a aparência, o que os outros vão pensar, e na grande parte dos casos não fazem nenhuma mudança profunda, radical, permanente.

Por isto que muitas pessoas tem dificuldade quando vão fazer uma prática esotérica, pois por esta falta de naturalidade, esta falta de entrega, de atenção, de ser espontânea impede com que tenha resultados objetivos a este respeito.
O Silêncio em sua mente que fazem não é natural, é forçoso, uma mente silenciada a força, não um silêncio espontâneo brotado da compreensão de que não adianta pensar... .

A Concentração é algo idêntico, nós colocamos naturalmente atenção àquilo que nos chama atenção, que nos encanta, mas antes de mais nada temos nosso sentido corrompido pelo mal (nossos defeitos) e esta atenção tende a transformar-se em fascinação, em identificação, em adormecimento da consciência. Então quando vamos buscar nos concentrar em algo, tendemos a ser artificiais, mecânicos, por conta destas falhas psicológicas que nos impulsionam.


A Humanidade atual perdeu o senso verdadeiro da amizade, da sinceridade, do amor... todos os contatos cheiram a vantagens, a cálculos, a padrões que nada tem de ver com esta natural espontaneidade da Alma, que temos de resgatar desde os abismos que encontra-se metida.


Isto que nos referimos se observamos tem muito a ver com viver cada momento, livre de conceitos, livre de suspeitas, de medos, é agir conforme temos de agir a cada momento, sem estarmos engessados por normas e padrões tão comuns na atual sociedade e sistemas.


03/02/14