zzzzzzzz

 

CLXV
Textos sobre Religião
A Inquisição

Quando falamos de inquisição, certamente nos recordamos daquelas épocas aonde as pobres pessoas foram perseguidas, torturadas e mortas pelos religiosos inconscientes do passado... no entanto nos vemos obrigados a afirmar que a Inquisição em sua essência sempre ocorreu e continua ocorrendo até hoje.

Todos os grandes Avataras, os grandes Mestres, os verdadeiros Sábios que tivemos ao longo das humanidades, nos assinalaram com grande mérito, que o caminho de integração com Deus sempre foi o Amor.

Se percorrermos em seu sentido mais profundo, a síntese de tudo aquilo que ensinaram estes grandes personagens, veremos que resume-se a compreensão e o amor.

Basta recordarmos que o primeiro mandamento de Deus, é "Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo"...
Assim a religião como principio não vem apenas para redimir o homem e guiá-lo até sua jornada para fusionar-se com Deus, mas também aliviar a dor, auxiliar o sofredor, com um bálsamo da verdade emanada do próprio Eterno Deus Vivo.

No entanto quando o homem despreza a outro, pelo motivo que seja, quando fere, e não nos referimos apenas fisicamente mas quando maltrata uma ideia que o outro tem, um entendimento, um impulso, estamos matando a vida que ali habita.


É muito diferente nós ensinarmos alguém por bem ou por mal... Uma coisa é alguém nos buscar porque sentem que temos algo a oferecer e lhe entregamos algo puro e nobre e outra é fazer-nos a força sermos escutados e sermos aceitos, como ocorre em muitas instituições "religiosas" que maltratam profundamente a Alma daqueles que tocam.

É muito comum vermos nos dias atuais vemos que as pessoas buscam na religião algo puro e nobre, chegam até estas Igrejas e estes Templos com muito sofrimento e com muitos impulsos divinos, ainda que em suas vidas reine um caos e uma desordem muito grande. Mas lá chegando em vez de receberem esta emanação divina, recebem ameaças, repressões, privações, e se não acaba por matar seu impulso e afastá-la disto, converte-se em mais um fanático por algo que não tem a mínima compreensão ou vivência já que é uma emanação do próprio mal alojado naquele homem que muitas vezes bem intencionado tenta "redimir" os demais, sendo que ele mesmo encontra-se a um passo do mais profundo abismo por seu terrível equívoco.

Sinceramente entendemos, e é compreensível o porque de tantas pessoas realmente odiarem as religiões, ou mesmo tornarem-se fanáticos religiosos que distorcem completamente o que seja a realidade espiritual e o que seja realmente a emanação de Deus que é um só, diferente da forma que se apresente por conta da forma que é ensinado e apresentado em cada cultura ou época.
Porque as pessoas são enganadas, e são mal tratadas, por pessoas que dizem representar a Divindade e na verdade são o mais absoluto oposto, ainda que sustentem cargos e funções eclesiásticas.

Muitos homens ao longo da humanidade disseram verdades dolorosas, e foram perseguidos e mortos por estes fanáticos religiosos ou mesmo desprezados por aqueles que já haviam sofrido demais por conta dos falsos religiosos. E é isto que vimos ocorrer todas as vezes que o Cristo fez-se carne, porque não houve maior perseguição e maior sofrimento do que o Cristo teve e tem de passar cada vez que encarna-se, que integra-se com uma forma humana, porque estas Trevas do desamor, da separatividade, do ódio, não conseguem reconhecer a suprema manifestação da Luz e do Amor que é o Cristo e que é a síntese de tudo isto que foi ensinado ao longo das eras por Deus.

Não há nenhum representante de Deus que atue com maus tratos, para quem quer que seja.

Há um limite muito pequeno do que seja o verdadeiro e divino "bem"... abaixo desta linha existe o mal, e mais além desta quase invisível linha, está igualmente o mal.
Porque para chegar a Deus, uma pessoa precisa integrar-se com este principio e isto é religião. Assim que se nos afastamos da religião vivemos pela lei humana que não necessariamente condiz com a Lei Divina. Já que há ressalvas e muitas coisas que são aceitas pela lei humana que são delitos para o Espírito.
No entanto há pessoas que buscam a Religião e ao buscá-la, o fazem de uma maneira que passam deste ponto exato que é a integração divina e fazem da religião uma forma de explorar as pessoas, uma forma equivocada de tentar ajudar as pessoas e ainda assim lhes está prejudicando e matando, em vez de salvá-las realmente.

"As más interpretações dos textos bíblicos, devido às traduções que cada qual faz ao seu capricho, tem ocasionado que com elas se façam negócios, se cobrem dízimos e cotas para entrar e sair das igrejas, e o que não paga é excomungado, lhe olham mal e lhe dizem que não vai unir-se com Deus." - Luz nas Trevas, V.M. Lakhsmi

Infelizmente esta perseguição as pessoas é algo que continuamos vendo e de uma maneira muito mais sutil e daninha que aquela brutal que era cometida no passado. Porque naquela época todos viam a bárbarie e o dano causado a carne destas pobres pessoas... mas hoje fere-se o pior que é a Alma, já que convertem-se estes que buscam em Deus em assassinos do próprio Deus vivo manifesto na consciência das pobres pessoas que buscam a verdade em sua mais simples manifestação.

18/02/16